quinta-feira, 7 de maio de 2009

Susan Boyle Canta Mal

- Jesus teve irmãos, correto?

- Ih, lá vem você com assunto polêmico.

- Não é polêmico. É só uma dúvida que me ocorreu.

- Certo. Bom, pelo que eu saiba, ele teve irmãos, sim. Uns 4 homens e mais umas minas.

- Caramba! Dava para formar um time de futebol de salão completo e teria até cheerleaders, dependendo do número de irmãs. Com Jesus no gol, ele ia salvar todas as bolas. O time ia ser imbatível.

- Quantas pessoas formam um time de pólo aquático?

- Por que?

- Ah, porque se forem cinco pessoas, a família de Jesus poderia formar um time de pólo aquático. Quem ia ganhar de um time com um jogador que anda sobre as águas?

- Realmente. 

- Mas você perguntou sobre os irmãos de Jesus só para ficar formulando hipóteses sobre os esportes que ele e sua família praticariam?

- Não, não. Eu queria saber sobre o lance da Virgem Maria.

- Como assim?

- Ela foi virgem a vida toda? Se sim, os irmãos também são fruto de uma relação extra-carnal com alguma entidade além terrena? Ou será que eles foram feitos por José e ela deixou de ser virgem?

- Sei lá. Mas, de qualquer forma, o pai era José. Todo mundo sabe que pai é quem cria.

- Concordo. Mas se ela deixou de ser virgem, não deveriam mais chamá-la de Virgem Maria. Acho que só Maria basta. Mas se ela foi virgem a vida toda, então os outros filhos foram concebidos por algum espectro do além e, por isso, deveriam, em tese, ter os mesmos poderes que Jesus.

- Se eles tinham superpoderes, daí, sim, o time de salão ficaria imbatível. 

- Pois é. Será que ela foi virgem a vida toda, tipo a Susan Boyle

- Não sei. Por que será que ninguém chama a Susan Boyle de Virgem Susan Boyle?

- Ah, não acho que seja determinante. Aliás, eu nem sei porque todo mundo se assusta com ela cantando. É como se uma velhinha feia, meio desmaiada e mal-ajambrada, não pudesse cantar bem. 

- Eu não acho que ela canta bem. Prefiro a Kelly Key.

- Como cantora ou como mulher?

- Como cantora. Como mulher, prefiro a Susan Boyle.

- Sério?

- Serio. Adoro mulheres inexperientes na cama. 

- Virgem Maria!

- Não blasfema, pô.

- Não tô blasfemando, foi só uma interjeição de espanto. Não estou sugerindo nada. É que me assustei com o fato de você preferir a Susan à Kelly Key. Só isso.

- Ufa. Porque, aí sim, a gente ia entrar em um assunto polêmico.

- É, mas não é bom metermos a mãe de ninguém no meio. Isso sempre dá confusão.

4 comentários:

3 x Trinta - Solteira, Casada, Divorciada disse...

HAHAHAHAHAHAHAHA

passando mal com esse diálogo!!!

rsrrsrsrs

mucho bom

bjs

deb

Flavinha disse...

Sensacional... assim como o link "estudos da biblia". Nao me contive com o segundo paragrafo.
Beijos xuxu

Rogério Japa disse...

Vai ver Virgem era só o primeiro nome né...

abrá

D. Maricota disse...

Essa parte é impagável:

- Ela foi virgem a vida toda? Se sim, os irmãos também são fruto de uma relação extra-carnal com alguma entidade além terrena? Ou será que eles foram feitos por José e ela deixou de ser virgem?

- Sei lá. Mas, de qualquer forma, o pai era José. Todo mundo sabe que pai é quem cria.