quinta-feira, 28 de maio de 2009

Samba do grande amor

— Ela era conhecida por fazer origami com qualquer coisa.
— Você sabe o que é um origami?
— Claro que eu sei o que é um origami.
— Então deveria saber também que não é possível fazer origami com qualquer coisa.
— Se você amassa um troço qualquer, dobra, torce e transforma em outra coisa não é considerado um origami?
— É, acho que mais ou menos.
— Pois então, foi isso que ela fez com meu coração.
— E o que ele virou?
— Uma pedra.
— Andou ouvindo Chico Buarque, né?
— Mentira.

Um comentário:

Leandro Leal disse...

Bão, Costela, bão.